A marca da besta

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A marca da besta

Mensagem por Vinicius_SG_RJ em Ter Abr 29, 2008 5:55 pm

A marca da besta


Há, no livro do Apocalipse, uma referência direta à marca da besta:

"Aqui está a sabedoria. Aquele que tem entendimento calcule o número da besta, pois é número de homem. Ora, esse número é seiscentos e sessenta e seis." Apocalipse 13:18

Considerando a numerologia bíblica, 6 é o número do homem e o 7 é o número da perfeição. Assim, 666 refere-se ao centro da natureza humanista. O Apocalipse ressalta que o número 666, ou a marca do Anticristo será estampada sobre as mãos e a testa de todas as pessoas no mundo durante o reinado do Anticristo. A testa representando nossos desejos e anseios enquanto que as mãos representam nossas atividades.

Vejam:
"A todos, os pequenos e os grandes, os ricos e os pobres, os livres e os escravos, faz que lhes seja dada certa marca sobre a mão direita ou sobre a fronte, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tem a marca, o nome da besta ou o número do seu nome." Apocalipse 13:16-17

Percebemos que o Anticristo poderá controlar as pessoas por algum meio global.
Nós poderemos estar inseridos nessa passagem!! Contudo ninguém precisa pensar que irá receber a marca da besta acidentalmente, pois isso envolverá adoração à Besta.

" e lhe foi dado comunicar fôlego à imagem da besta, para que não só a imagem falasse, como ainda fizesse morrer quantos não adorassem a imagem da besta."Apocalipse 13:15

Eu morreria de fome, mas não colocaria essa marca em mim.
avatar
Vinicius_SG_RJ
Admin
Admin

Masculino
Número de Mensagens : 232
Idade : 27
Localização : São Gonçalo/Rio de Janeiro
Data de inscrição : 29/04/2008

Ver perfil do usuário http://forumevangelico2.forumeiros.com/index.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A marca da besta

Mensagem por William Paixão em Seg Mar 15, 2010 12:05 pm

a marca da Besta e o anti-cristo, e se voce analisar as escrituras o veradeiro anti-cristo sempre tem sido a religião, pois foi a religião quem esteve contra noé, foi a religião de jezabel que esteve contra Elias, foi a religião que esteve contra Jesus.
e ele prorprio disse que seria como foi nos dias de noé.

quem tem ouvidos ouçam

William Paixão

Número de Mensagens : 22
Data de inscrição : 11/02/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A marca da besta

Mensagem por Pr Marcos em Qui Mar 18, 2010 4:15 pm

Graça e paz !!!

Não quero me estender muito, mas para termos uma idéia mais correta tanto sobre a marca da besta como as demais coisas do Apocalipse devemos usar a técnica de escrita e leitura da época que era a Guematria, além de usarmos de um ponto de vista de um semita.
Shalom.
avatar
Pr Marcos
Moderadores
Moderadores

Masculino
Número de Mensagens : 125
Idade : 45
Localização : São Paulo - SP
Emprego/lazer : Técnico em Informática
Data de inscrição : 30/08/2009

Ver perfil do usuário http://prmarcosjustino.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A marca da besta

Mensagem por Mack em Seg Dez 27, 2010 2:09 pm

O APOCALIPSE
O Apocalipse cujo significado do termo é REVELAÇÃO, tem causado efeito contrario na maioria dos leitores deste livro. Em vez de revelar, esclarecer e desvendar conforme o proposto; têm causado debates infinitos, inúmeras discrepâncias e se mostrado um livro mais de mistérios do que revelação propriamente dita. Muitos se debruçam em escrever comentários exaustivos sobre o livro na tentativa de explicar a mensagem nele contida. Contudo, quanto mais tempo passa, tanto mais confuso vai ficando a compreensão desta obra de inspiração divina.
Evidentemente, todos devem reconhecer que o apocalipse faz parte do canon sagrado; caso contrario não estaria configurado dentre os 66 livros inspirados da bíblia. Contudo, o maior problema no entendimento deste livro está no fato de não compreendermos a quem ele foi escrito. Isso justifica bastante o fato de hoje entendermos tão pouco a mensagem a que foi dado este livro maravilhoso.
A palavra chave do livro que se encontra no começo e no fim, revela quem são seus destinatários (Ap 1:1; 22:6). “Coisas que em breve devem acontecer”. Os leitores do livro e contemporâneos de João estavam sendo alertados através desta revelação acerca da terrível perseguição que eles haveriam de enfrentar. Foi ordenado a João que a mensagem fosse enviada as sete igrejas da Ásia. Aquelas igrejas correspondiam toda a cristandade, e a elas estava a incumbência de preservar a fé, o evangelho e a verdade que Jesus havia trazido aos homens. Deus tinha em mente que o evangelho alcançasse a posteridade e as sete igrejas seriam responsáveis a este intento. Se para nós hoje, o livro parece misterioso e repleto de simbologia e tipos difíceis de serem encaixados aos fatos presentes ou futuros; os primeiros cristãos e destinatários do livro receberam na como mensagem revelativa e esclarecedora. Eles discerniram muito bem tudo o que liam no Apocalipse de João.
Algumas igrejas receberam elogios acompanhados de promessas; outras receberam criticas acompanhadas de advertências no sentido de se prepararem e permanecerem firmes no meio da perseguição. A partir do capitulo quatro do livro, a revelação a João muda de teor. Antes ele ouviu a mensagem, agora ele vai ver cenas do céu. Note que tudo o que João ouviu relatado nos capítulos 1 ao 3 é fácil de ser entendido por nós; mas as visões dele começam a ficar difíceis de serem entendidas, justamente por se tratarem de visões celestiais; as quais ele nos reporta da melhor maneira humana de que ele é capaz. Coloque se no lugar dele, e imagine como você descreveria tudo o que ele viu no céu! E como as pessoas entenderiam esses relatos? Devemos também entender que as visões do céu que foram dadas a João não foram por acaso; não foi um mero capricho de Jesus, mas tiveram o propósito de consolar e fortalecer os receptores do Apocalipse a permanecerem firmes no meio da perseguição que estava se levantando contra eles.
Depois de todas aquelas cenas e fatos que se desenrolaram no céu, no final do livro é afirmado mais uma vez: “COISAS QUE EM BREVE DEVEM ACONTECER” (22:6). Note que em (Ap 3:11) Jesus diz que vem sem demora. Em termos de tempo, qual a diferença entre vir sem demora ou vir em breve? O primeiro “SEM DEMORA” o fator tempo fica subentendido; no segundo “EM BREVE” deixa claro que é algo imediato que sucederá com brevidade. Vemos então, que o Apocalipse é uma mensagem de verdadeira revelação dada aos primeiros crentes; os contemporâneos de João. Ela se encaixou e se adaptou muito bem ao cenário em que eles viviam no primeiro século, por isso eles entenderam na perfeitamente.
Em resumo, vemos que a mensagem do apocalipse cumpriu seu papel eficazmente; tanto que o evangelho perdura até hoje. Se não tivesse sido dada, talvez a igreja tivesse sido pega de surpresa e teria fracassado na perseguição de Roma. Vemos também que todos os esforços na tentativa de aplicar a simbologia e tipos do apocalipse aos dias de hoje, resultará em discordância; pois, os fatos ali narrados ficaram em algum ponto do passado no decorrer da historia da igreja. Também, tentar lançar os acontecimentos do Apocalipse ao futuro irá produzir erros grosseiros de interpretação; como tem ocorrido hoje em dia. Exemplo: O sinal da besta pode ser aplicado hoje de muitas maneiras equivocadas sem nenhuma certeza: O sinal na mão direita: Mouse do PC, celular, caneta, garfo de comer, cambio do automóvel, a assinatura etc. Centenas de coisas poderiam ser adaptadas ao sinal da besta na mão direita. Quantos erros muitos têm cometido ao interpretar o Apocalipse de forma errada. Quantos presidentes foram tachados de “anticristo”. Quantas pessoas foram vistas como a “besta do Apocalipse”, e muitas delas até já desceram a sepultura.
Numa palavra. O livro de Apocalipse é uma obra divinamente inspirada. É mais do que isso, é uma revelação de Jesus dada diretamente a João. Nele encontramos narrações das visões do céu que João foi convidado a contemplar. Privilegio que homem algum jamais teve na historia da raça humana. E se Paulo esteve no terceiro céu, a ele não foi dado permissão de revelar nada aos homens. Este livro tão maravilhoso deve promover em nós grande alegria ao vermos em suas páginas como o Senhor quer que sejamos como igreja. O consolo do espetáculo das visões celestiais. A certeza da onipotência de Deus. A supremacia de Cristo, e o zelo Dele por seus servos. Em vez de ficarmos nessa corrida frenética de tentar adaptar os símbolos do Apocalipse aos dias de hoje, devemos nos ater ao aprendizado dos ensinos de Jesus nos evangelhos e também dos apóstolos.
Se há alguma coisa em que devemos hoje nos preocupar, é com a volta de Jesus. É algo que tambem deve acontecer em breve; pois desde que Ele foi ao Pai, sua volta é iminente.
Por Marcos G. Cotting
avatar
Mack

Número de Mensagens : 16
Data de inscrição : 07/12/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

A marca da besta

Mensagem por Jaime Dias da Silva em Dom Fev 20, 2011 3:47 pm

Prezado, Pr. Marcos G. Cotting,
Se for para seguirmos a tua ideologia descartante de conhecermos o Apocalipse; então teríamos que tirar da Bíblia, (Ap. 1:3); e também anular todos os livros que tratam dos assuntos tribulacionais dos últimos dias.
Porque a energia elétrica não é enxergada, nem por isto ela deixa de estar presente nos cabos.
Da mesma forma também, se o sistema teológico cristão até hoje, não conhece a verdade do Apocalipse, nem por isto, Deus deixará de manifestá-lo aos seus escolhidos.

Chibolete,

Jaime e Júlio
avatar
Jaime Dias da Silva

Número de Mensagens : 48
Data de inscrição : 16/02/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A marca da besta

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum