Morre aos 76 anos o senador Jefferson Péres

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Morre aos 76 anos o senador Jefferson Péres

Mensagem por Convidad em Sex Maio 23, 2008 11:25 am



Morre aos 76 anos o senador Jefferson Péres

Jefferson Péres sofreu um enfarte quando estava em sua casa, em Manaus (AM)Manaus (AM) - Morreu nesta sexta-feira, em Manaus, aos 76 anos, o líder da bancada do PDT no Senado, Jefferson Péres (AM). Ele sofreu um infarto em sua casa, na capital do Amazonas. A família confirmou a morte, que ocorreu às 6h30. O corpo ficou até 9h na residência de onde saiu para ser embalsamado.

Identificado como "uma referência ética" dentro do Legislativo, Jefferson Péres exercia seu segundo mandato no Senado, onde chegou em 1995, depois de cumprir mandato de vereador em Manaus de 1988 a 1996.

Embora pertencente a um partido da base aliada ao Palácio do Planalto, sempre adotou uma postura crítica em relação ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, tendo, inclusive, se destacado na CPI dos Correios, que investigou o caso do mensalão.

No dia de ontem, Péres passou o feriado com a família e fez contatos políticos. Durante a noite, passou mal e foi socorrido pela esposa e dois filhos.

Biografia

José Jefferson Carpinteiro Péres nasceu em Manaus em março de 1932 e foi professor e político. Ele tinha completado 76 anos no último 19 de março. Considerado uma referência ética, ele cumpria o segundo mandato como senador do PDT pelo Amazonas. Ele estava no partido desde 1999 e integrou também os quadros do PSDB.

Era formado em Direito pela Universidade Federal do Amazonas e em Administração pela Fundação Getúlio Vargas. Antes de ser político, foi professor de economia na Universidade Federal do Amazonas.

Foi eleito em 1988 para seu primeiro cargo público, de vereador em Manaus, cargo para o qual foi reeleito para segundo mandato, cumprido até 1995, quando assumiu sua cadeira no Senado.

Também foi candidato à vice-presidência do Brasil nas eleições de 2006, na chapa do também senador pedetista Cristovam Buarque, do Distrito Federal.

Na quarta-feira , fez seu último pronunciamento em Plenário, quando afirmou que o debate sobre a internacionalização da Amazônica deve ser enfrentado com bom humor e que os brasileiros não devem reagir de modo enraivecido a menções a respeito do tema.

Na véspera, na ausência do senador José Maranhão (PDMB-PB), Jefferson Péres havia sido designado relator ad hoc da proposta de emenda à Constituição que visa acabar com o nepotismo nos Três Poderes, aprovada, em seguida pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

Em sua atuação no Senado, destaca-se, entre outras atividades, o fato de ter sido relator, no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, do processo que levou à cassação do ex-senador Luiz Estevão e a atuação como relator da Lei de Responsabilidade Fiscal. O primeiro suplente do senador é Erasmo Lins de Jesus Alfaia.

Com o portal Terra

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum